terça-feira, 12 de novembro de 2013

Inovação: indústria têxtil terá um novo Centro de Tecnologia

Como principal suporte ao fortalecimento da competitividade da indústria têxtil brasileira, o Centro de Tecnologia da Indústria Química e Têxtil (Cetiqt), unidade do Senai instalada no Rio de Janeiro, vai aplicar mais de R$ 50 milhões em projetos de Educação profissional, tecnologia, conhecimento e inovação.

O valor é cinco vezes maior que os R$ 10 milhões registrados no triênio anterior.

Os investimentos para os próximos três anos fazem parte do Plano Estratégico 2013-2016. A meta é reforçar os serviços do Centro para o atendimento da indústria e das demandas dos consumidores.

Serão ampliadas para 33 mil as matrículas em programas de Educação profissional a distância e em cursos semipresenciais para atender a um leque maior de empresas em todo o país. Nos últimos três anos foram 24 mil inscritos.

Do investimento total, R$ 14 milhões vão para a ampliação e modernização dos laboratórios de ensaios, calibração e avaliação de performance, que fazem os testes laboratoriais de atendimento a requisitos legais e normativos. 

Mais R$ 18 milhões serão destinados ao desenvolvimento de programa de apoio ao setor de confecção, desenvolvido em parceria com o Sebrae. Outros R$ 18 milhões serão empregados na modernização das plantas-piloto de confecção, fiação e tecelagem e enobrecimento.

O foco é manter equipamentos e sistemas de produção compatíveis com as principais tecnologias empregadas na indústria.

Fundado em 1940, no bairro do Riachuelo, o Senai Cetiqt conta com plantas-piloto completas que reproduzem o ambiente fabril, além de rede integrada de laboratórios e área de inovação, estudos e pesquisas.

Também com unidade na Barra da Tijuca, O Centro tem cursos técnicos, de qualificação e aperfeiçoamento profissional, graduação e pós-graduação. As empresas contam com serviços técnicos e tecnológicos, como consultorias e design e testes laboratoriais.


Fonte Portal da Indústria


Nenhum comentário:

Postar um comentário