quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

Pronatec na Copa do Mundo: Senai-AM vai ampliar formação de profissionais para o setor da construção civil


O Senai do Amazonas pretende ampliar neste ano a formação de profissionais para a indústria em suas quatro escolas da capital e nas agências de treinamento dos municípios de Novo Airão, Parintins, Coari e Itacoatiara. A meta é saltar de 36.753 matrículas, contabilizadas em 2012, para 43.988.

O setor da construção civil será um dos mais beneficiados. Segundo o gerente da Escola Senai Demóstenes Travessa, Rodson Barros, a construção civil está em expansão, com perspectiva de crescer mais de 2% neste ano, porém possui deficiência de trabalhadores capacitados que possam impulsionar novos empreendimentos imobiliários e comerciais.

Parte do aquecimento do setor é motivada pelo compromisso do estado em adequar a cidade para sediar jogos da Copa do Mundo de 2014.

“Temos prazos para atender as principais obras de infraestrutura da Copa do Mundo, assim como políticas em que se buscam esforços para ocuparmos as vagas com mão de obra local”. Para suprimir tais necessidades, ainda segundo Rodson, “o Senai possui programação de aproximadamente 20 cursos nos diversos segmentos do setor da construção civil que inclui a qualificação de pedreiro, pintor, eletricista, hidráulico, assentador cerâmico, cadista e outros”.

A organização planejou mais de 4 mil vagas em cursos deste segmento, sendo que 1,7 mil serão gratuitas, viabilizadas pela parceria com Pronatec.

“O Pronatec é um programa que promove o acesso à capacitação profissional para a população com menos recursos financeiros. O Senai é uma das instituições que executa o programa, formando trabalhadores qualificados, sem custo para os participantes. Os alunos também recebem transporte de ida e volta à escola e lanche no horário de intervalo do curso”, explica Rodson.

Vale ressaltar que o Senai-AM vai ministrar mais de 40 cursos para alunos do Pronatec em vários segmentos: serão 9.616 vagas gratuitas, 9.466 para a modalidade de qualificação profissional e 150 para o ensino técnicos.

Poderão participar jovens e adultos de escolas públicas estaduais, das Forças Armadas e beneficiários do Bolsa Família e do Seguro Desemprego. A primeira medida para a inscrição nos cursos do Senai oferecidos pelo Pronatec é realizar a pré-matrícula nas instituições onde o interessado está vinculado.

O aluno estadual deve procurar a secretaria de sua escola, beneficiários e dependentes dos programas do governo o Centro de Referência de Assistência Social (Cras) mais próximo de sua casa e no Sine, e para jovens das Forças Armadas, buscar informações sobre a programação de cursos do programa Soldado Cidadão com seus superiores.

Mais informações: 92 3614-5900/5901/5910 ou pelo site do Pronatec


Nenhum comentário:

Postar um comentário