terça-feira, 11 de setembro de 2012

Educação por competência: Senai-SC vai consolidar proposta de atividades desafiadoras em seus cursos


Já conhecidos pelo viés prático, os cursos do Senai de Santa Catarina estão cada vez mais voltados para o desenvolvimento de competências. Desde o início do ano, docentes e profissionais de apoio pedagógicos trabalham juntos para elaboração e implementação das denominadas Situações de Aprendizagem, que são atividades desafiadoras, interdisciplinares e contextualizadas, que estimulam o aluno a tomar decisões e testar hipóteses.

As Situações de Aprendizagem são uma forma de consolidar a metodologia de formação profissional com base em competências, utilizada pelo Senai. Este ano, estão sendo realizados pilotos nos cursos técnicos de Eletrotécnica e de Modelagem do Vestuário. A intenção é que, até 2017, a prática faça parte das atividades dos cursos de todos os níveis oferecidos pelo Senai-SC, dinamizando o processo de ensino e de aprendizagem.

Nesse processo, o aluno passa a ter um papel mais ativo, de buscar o conhecimento, tendo a orientação e complementação do docente, quando necessário. Com isso, professor passa a atuar como um mediador do processo de ensino e aprendizagem. "Sentimos que o aluno se envolve mais nas atividades, o que o torna mais motivado e ajuda a reduzir a evasão dos cursos", ressalta o coordenador pedagógico do Senai de Jaraguá do Sul, Cláudio Olívio Piotto.

Em Jaraguá do Sul, docentes de diversas unidades curriculares do curso técnico de Eletrotécnica se uniram para planejar as Situações de Aprendizagem. O desafio colocado aos alunos foi de criar usinas elétricas que utilizassem fontes renováveis de energia. À medida que cumpriam as atividades propostas – que envolveram estudos de normas de segurança, compreensão de conceitos de energia e uso de instrumentos de medição – os alunos eram avaliados quanto ao desenvolvimento de capacidades previstas no desenho curricular do curso. A avaliação durante o processo possibilitou aos docentes dar o feedbacks imediatos e retomar os conhecimentos necessários.

A metodologia de formação profissional com base em competências adota uma prática pedagógica que emprega estratégias de ensino ativas, desenvolvendo no aluno a iniciativa e a pró-atividade como ferramentas para resolver situações desafiadoras. Com isso, conduz o aluno a um processo de autoformação e o ajuda a alcançar a autonomia.


Nenhum comentário:

Postar um comentário