quinta-feira, 26 de julho de 2012

Casa sustentável: Senai vai criar soluções para a construção civil


Uso de painéis de madeira reflorestada, reaproveitamento da água da chuva, aquecimento de água por painéis solares e revestimentos ecológicos são algumas das características da Casa Sustentável, que está sendo construída pelo Senai do Paraná, em parceria com a empresa Tecverde. Iniciativa do Núcleo Senai de Soluções Sustentáveis, a estrutura, de aproximadamente 200 metros quadrados, está localizada na unidade do Senai na Cidade Industrial de Curitiba e estará finalizada no próximo mês.

A construção usa a tecnologia Wood Frame, surgida nos Estados Unidos, em 1880. A tecnologia é uma solução descomplicada para construção de casas, se destacando por possuir vantagens em comparação com a alvenaria, como tempo de execução inferior, redução de 80% nas emissões de CO2 e redução dos resíduos da construção civil em até 85%. O nível de isolamento de uma parede de Wood Frame chega a ser duas vezes superior ao de uma parede de alvenaria convencional.

A tecnologia foi trazida ao Brasil pelo Senai, após uma missão técnico-empresarial à Alemanha, em 2009, organizada pela organização e o Ministério da Economia da região de Baden-Würtemberg. A empresa alemã Homag-Weinmann, produtora das máquinas usadas na construção de casas pelo sistema Wood Frame, também é parceira.

A Casa Sustentável terá telhado verde com horta orgânica, iluminação em LED, energia fotovoltaica, composteira para resíduos orgânicos, vidros duplos, isolamento térmico e acústico, descargas econômicas e torneiras com controle de vazão. Serão ainda agregados à obra um gerador eólico, cujo objetivo é demonstrar, em um projeto, as diversas possibilidades de soluções sustentáveis e ambientalmente corretas.

No local da casa, o Núcleo Senai de Soluções Sustentáveis irá disseminar as tecnologias do Wood Frame e promover intercâmbio de informações e materiais técnicos. Também será instalado serviço de disseminação de novas tecnologias com práticas focadas em eficiência energética e em isolamento térmico e acústico.


Nenhum comentário:

Postar um comentário