segunda-feira, 2 de julho de 2012

Afiação de ferramentas: Senai-AM vai promover curso inédito e criar soluções técnicas e tecnológicas para o setor

Aumentar a vida útil de peças rotativas no processo de fabricação é um dos principais benefícios que um afiador de ferramentas qualificado pode oferecer. A ferramenta afiada tem a capacidade de ser reutilizada com um aproveitamento 70% da peça. De acordo com a demanda da indústria o Senai do Amazonas vai formar, a partir deste mês, especialistas em afiação de ferramentas rotativas e prestar serviços técnicos e tecnológicos para o setor.

Pioneiro em toda a rede Senai neste tipo curso, o centro da organização instalado no bairro de Cachoeirinha, em Manaus, tem como parceira a empresa Ricavi. Forma doados mais de dez equipamentos, entre maquinários, ferramentas e acessório de afiação industrial, que serão usados em programas de treinamento e soluções técnicas para a indústria.

Segundo o diretor da Ricavi, José Carasco, a iniciativa do Senai-AM com o curso de afiador vem atraindo o interesse de outras escolas do Senai. “Outros estados que estão nos procurando para firmar parcerias e implantar o curso.”

Segundo o técnico do Senai-AM Luiz Feijó, além do curso de aperfeiçoamento profissional (30h), com turmas previstas para julho, será oferecido serviços técnicos e tecnológicos para os segmentos industriais que já realizam esse processo de otimização de custo com a reafiação de ferramentas. “Com esse conhecimento, a indústria deve reduzir o descarte de brocas de ferro e diminuir o custo com a comprar de novas peças”. Saiba mais: 92 3133-6414/04 e corem.eswl@am.senai.br.


Nenhum comentário:

Postar um comentário