sexta-feira, 30 de março de 2012

Com assessoria do Senai, mel do Piauí recebe aprovação dos europeus

A Central de Cooperativas Apícolas do Semi Árido Brasileiro – Casa Apis, da cidade de Picos, sul do Piauí, recebeu declaração de conformidade em auditoria realizada por representantes da União Europeia. A Casa Apis é uma das empresas atendidas pelo Programa Alimentos Seguros (PAS), que é aplicado no Piauí pelo Centro de Tecnologia em Alimentos do Senai-PI e parceiros.

De acordo com o coordenador regional do PAS, Paulo Pires, a Casa Apis foi auditada na terça (27/3), com resultado positivo, principalmente com relação à infraestrutura da empresa e o trabalho desenvolvido por meio da metodologia do PAS. Segundo Pires, os europeus destacaram a rastreabilidade dos produtos da Casa; dos apiários, Unidades de Extração de Produtos das Abelhas (casas de mel) até o entreposto.

Os auditores elogiaram o Programa do Senai, que é desenvolvido em todo o país, enfatizando que na Europa farão referência ao trabalho na Casa Apis. “Estamos colhendo os frutos de um programa realizado com seriedade e responsabilidade”, disse Pires.

Pires lembrou ainda que no final de 2011 foram liberadas pelo Ministério da Agricultura várias Casas de Mel vinculadas à Casa Apis e à Cooperativa Mista dos Apicultores da Microrregião de Simplício Mendes (Comapi) para receber o Estabelecimento Relacionado (ER), visando à exportação para a União Europeia.

“Mais de 50% destes estabelecimentos liberados estão no Piauí e são atendidos pelo PAS com a implantação nas empresas dos sistemas Boas Práticas de Fabricação (BPFs) e Analise de Perigos e Pontos Críticos de Controle”, disse o coordenador. Paralelamente à auditoria, o Senai-PI certificou apicultores e colaboradores da Casa Apis que participaram dos treinamentos, com direito ao registro dos auditores.

O Piauí é o maior exportador de mel do país. Em agosto de 2010, por exemplo, o estado liderou as exportações de mel com US$ 1,43 milhões, valor referente à comercialização de 498,33 toneladas. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário