sexta-feira, 30 de março de 2012

Com assessoria do Senai, mel do Piauí recebe aprovação dos europeus

A Central de Cooperativas Apícolas do Semi Árido Brasileiro – Casa Apis, da cidade de Picos, sul do Piauí, recebeu declaração de conformidade em auditoria realizada por representantes da União Europeia. A Casa Apis é uma das empresas atendidas pelo Programa Alimentos Seguros (PAS), que é aplicado no Piauí pelo Centro de Tecnologia em Alimentos do Senai-PI e parceiros.

De acordo com o coordenador regional do PAS, Paulo Pires, a Casa Apis foi auditada na terça (27/3), com resultado positivo, principalmente com relação à infraestrutura da empresa e o trabalho desenvolvido por meio da metodologia do PAS. Segundo Pires, os europeus destacaram a rastreabilidade dos produtos da Casa; dos apiários, Unidades de Extração de Produtos das Abelhas (casas de mel) até o entreposto.

Os auditores elogiaram o Programa do Senai, que é desenvolvido em todo o país, enfatizando que na Europa farão referência ao trabalho na Casa Apis. “Estamos colhendo os frutos de um programa realizado com seriedade e responsabilidade”, disse Pires.

Pires lembrou ainda que no final de 2011 foram liberadas pelo Ministério da Agricultura várias Casas de Mel vinculadas à Casa Apis e à Cooperativa Mista dos Apicultores da Microrregião de Simplício Mendes (Comapi) para receber o Estabelecimento Relacionado (ER), visando à exportação para a União Europeia.

“Mais de 50% destes estabelecimentos liberados estão no Piauí e são atendidos pelo PAS com a implantação nas empresas dos sistemas Boas Práticas de Fabricação (BPFs) e Analise de Perigos e Pontos Críticos de Controle”, disse o coordenador. Paralelamente à auditoria, o Senai-PI certificou apicultores e colaboradores da Casa Apis que participaram dos treinamentos, com direito ao registro dos auditores.

O Piauí é o maior exportador de mel do país. Em agosto de 2010, por exemplo, o estado liderou as exportações de mel com US$ 1,43 milhões, valor referente à comercialização de 498,33 toneladas. 

quarta-feira, 28 de março de 2012

Frase de Hoje

"Nada é tão poderoso no mundo como
uma ideia cuja oportunidade chegou."
Vitor Hugo

Cursos gratuitos em Roraima: Senai vai qualificar beneficiários do Programa Bolsa Família

Estão abertas até 5 de abril as inscrições para os cursos gratuitos de Pintor de Obras, Serralheiro, Soldador, Desenhista de Produtos gráficos para Web e Montagem e Manutenção de Computadores. As aulas serão no Senai de Boa Vista, a partir de abril. São sete turmas, divididas em turnos da manhã, tarde e noite.

Podem participar pessoas de baixa renda e desempregados, cadastrados no Programa Bolsa Família, (ou dependente), maiores de 18 anos, que tenham cursado até a quarta série do ensino fundamental. Os cursos terão a duração de 160 horas.

Os interessados devem se inscrever na unidade do Senai, na Av. dos Imigrantes, 399, Asa Branca, de segunda a sexta, das 7h30 às 18h, munidos com RG, CPF, comprovante de residência e o número de inscrição do Bolsa Família (NIS/PIS).


terça-feira, 27 de março de 2012

Cursos gratuitos de qualificação: Senai abre 1.495 vagas em Rondonópolis para pessoas de baixa renda

Automotiva, gestão, construção civil, metalmecânica e tecnologia da informação. Essas são as áreas dos cursos que o Senai de Rondonópolis (foto), em Mato Grosso, deverá ministrar a partir de 16 de abril. Novas turmas serão abertas a cada mês. Há disponibilidade de horários da manhã e à tarde.

São 1.495 vagas gratuitas abertas a pessoas de baixa renda. Alguns cursos exigem comprovação de escolaridade, e o prazo de inscrição vai até e para verificar quais qualificações têm este pré-requisito. Para saber mais ligue 66 2101-5000.



CNI divulga índices de Medo do Desemprego e de Satisfação com a Vida

A Confederação Nacional da Indústria (CNI) divulga nesta quarta (28/3), às 11h, os índices de Medo do Desemprego e de Satisfação com a Vida de março. O documento será encaminhado por e-mail aos jornalistas cadastrados e estará disponível no www.cni.org.br no mesmo horário.

Os dois indicadores integram a pesquisa trimestral Termômetros da Sociedade Brasileira. Além do antigo índice de expectativas sobre a manutenção do emprego, o levantamento passa a mensurar ainda o quanto os brasileiros estão satisfeitos com a vida.

Operários: quadro pintado por Tarcila do Amaral em 1933, e dá início à pintura social no Brasil


Apesar de ser divulgada a partir deste mês, a série histórica do Índice de Satisfação com a Vida remonta a 1999. A CNI decidiu começar a publicá-lo porque tornou-se mais um indicador a reforçar a tendência de consumo.

A primeira edição do Termômetros da Sociedade Brasileira ouviu 2.002 pessoas em 142 municípios entre 16 e 19 de março.

Atenção, jornalista: As entrevistas podem ser agendadas pelos telefones 61 3317-9806 e 61 3317-9825.


Roberto Pires começa nova gestão à frente do Sistema Fieto

A construção da nova sede do Senai do Tocantins é uma das prioridades do empresário Roberto Pires, que toma posse nesta sexta (30/3), para mais um mandato à frente do Sistema Fieto, até 2016. Com as presenças do governador José Wilson Siqueira Campos e dos 11 presidentes de sindicatos filiados à Federação das Indústrias do Estado do Tocantins, a solenidade com o tema 20 anos da Fieto começará às 19h, no Palácio Araguaia, sede do governo estadual, em Palmas.

A programação terá início com o lançamento da pedra fundamental do Centro de Educação e Tecnologia (Cetec) do Senai, às 17h. Outro resultado da gestão de Pires em seu primeiro mandato foi a liberação de R$ 9 milhões, do total de 12 milhões com a contrapartida do Sistema Fieto, para a construção da sede do Senai.

Ele começou na Presidência do Sistema Fieto em 2009. Então presidente do Sindicato das Indústrias da Construção Civil do estado (Sinduscon-TO), Pires assumiu de forma interina, tornou-se presidente efetivo em 2011.

segunda-feira, 26 de março de 2012

Design e inovação: Senai capta tecnologia italiana e repassa a indústrias do mobiliário

O Senai do Paraná e o Sindicato da Indústria do Mobiliário e Marcenaria do estado (Simov) acabam de lançar um programa para as indústrias do setor do mobiliário, que será desenvolvido em parceria com o Centro Tecnológico Settore Legno-Arredo (Cosmob), um dos principais centros de tecnologia e design industrial moveleiro da Itália.

O programa conta com o apoio do Senai Nacional, que formalizou o convênio com o Cosmob, e terá a participação do Senai do Espírito Santo, da Bahia, de Rondônia e de Mato Grosso do Sul.

Foto de Eduardo Câmara em ensaio
sobre o estilo brasileiro
, no blog Brastilo 

O programa Networking para Qualidade, Tecnologia, Inovação e Competitividade do setor Mobiliário em Madeira terá dois anos de duração, com a implantação do software Everdee, que mede o ciclo de vida do produto. O software será instalado no Senai Cietep, em Curitiba, e passará por um período de adaptação aos padrões de fabricação dos produtos brasileiros.

Serão instalados, também, dois laboratórios, um na unidade do Senai CIC, em Curitiba, e outro no Espírito Santo, para ensaios da qualidade e determinação de emissão de formaldeídos (gases derivados de colas e outros componentes) em móveis, o que permitirá a adequação dos produtos às normas internacionais, visando ampliar a exportação.

“Acreditamos que em um ano o Paraná e o Espírito Santo poderão começar a atender as primeiras empresas em fase de teste”, informa Júlio Zorzal, gestor nacional do programa.

Na avaliação do presidente do Simov, Luiz Fernando Tedeschi, o modelo proposto é bom para as empresas paranaenses e deve ter sua gestão compartilhada com elas. “O programa só tem sentido com a participação das empresas. As indústrias vão precisar passar por esse processo para garantir a sobrevivência e aumentar a competitividade. Por isso a importância da participação efetiva do sindicato já na implantação”.

Para o diretor-geral do Cosmob, Alessio Gnaccarini, a indústria moveleira precisa investir pesado em design industrial para poder fazer frente à forte concorrência asiática amparada na qualidade dos produtos. Segundo ele, países como a Itália e o Brasil devem trabalhar em iniciativas comuns. “O Brasil é um polo moveleiro com grande potencial e sofre com problemas similares à Itália. A única saída para aumentar a competitividade é investir juntos em inovação e tecnologia para melhorar a performance dos produtos.”

De acordo com o gerente de novas tecnologias do Senai-PR, Reinaldo Tockus, o programa é mais um aliado para a aceitação dos produtos brasileiros no mercado externo. “O mercado externo impõe regras de qualidade e durabilidade para a entrada destes produtos. Com essa iniciativa, a indústria paranaense de móveis poderá dar um salto no comércio exterior.”

Segundo Tockus, o ganho para o setor moveleiro é significativo e trará resultados em curto prazo para as empresas. “Precisamos mobilizar as indústrias quanto aos benefícios desse programa. O setor “paranaense irá sair na frente com essa iniciativa.”


Construção civil: Senai abre vagas para cursos em Manaus



Mais informações: 92 3614-5900 ou estd@am.senai.br.



Estaleiro de Alagoas: Senai já forma profissionais para a construção do novo empreendimento

Falta apenas o Instituto Brasileiro de Meio Ambiente (Ibama) liberar as licenças ambiental e operacional para que o Estaleiro Eisa Alagoas comece a sair do papel. Ele vai ser construído no município de Coruripe, a 85 quilômetros de Maceió. Quando isso acontecer, o Senai-AL terá qualificado centenas de profissionais para trabalhar nos canteiros de obras.

O presidente do Sistema Fiea, industrial José Carlos Lyra de Andrade e comitiva visitaram a obra do novo Centro de Educação Profissional que está sendo erguido pelo Senai, em parceria com a Prefeitura de Coruripe, e deve ser inaugurado em abril próximo. Atualmente, os cursos profissionalizantes estão sendo realizados no atual prédio do Senai no município.

A ideia é que as aulas sejam transferidas para a nova sede, mas, dependendo da demanda, o antigo prédio pode servir como ponto de apoio para mais turmas. O novo centro foi visitado também por um representante do Estaleiro Eisa e quatro técnicos do Ibama Nacional, que estavam na cidade fazendo análise dos impactos ambientais da empresa naval.

"Esta visita foi muito importante para mostrar que existe em nosso Estado um esforço conjunto que envolve o setor produtivo, os governos estadual e municipal para trazer este grande empreendimento", afirmou José Carlos Lyra. A visita técnica do Ibama foi vista como positiva pelos gestores do Sistema Fiea.

Desde o ano passado, segundo o diretor de Unidades Operacionais do Senai-AL, Marcelo Carvalho, já foram capacitadas mais de 700 pessoas em Coruripe. Ele destaca que o Senai tem capacidade de atender não somente às necessidades do estaleiro, mas de outras indústrias que já existem ou estão chegando à região, ligadas, principalmente, aos setores sucroalcooleiro e da hotelaria.


Arte da marchetaria: Unidades do Senai fecham parceria por expertise

A área da movelaria é uma das beneficiadas pela cooperação que o Senai do Acre e o Senai da Paraíba estão promovendo para o intercâmbio de conhecimentos. Durante um mês, o instrutor Antônio Udson, do Centro de Tecnologia da Madeira e do Mobiliário (Cetemm), em Rio Branco, realizou o curso de Marchetaria com Lâminas no Senai de Campina Grande, na Paraíba, para instrutores e marceneiros daquela unidade. Udson ainda poderá voltar à Campina Grande para ampliar o conteúdo do curso.

A marchetaria pode ser usada em pequenos objetos, móveis, paredes e portais (foto).



sexta-feira, 23 de março de 2012

Do Twitter

@SenaiSAPlatina > Qualifique-se para o mercado com a nossa pós-graduação em Moda e Gestão! http://ow.ly/9Q8uM



Investimentos em inovação devem alcançar R$ 4,5 bilhões em 2012, diz presidente do BNDES

O presidente do BNDES, Luciano Coutinho, anunciou nesta sexta (23/3), que os desembolsos para projetos de inovação na indústria devem alcançar neste ano R$ 4,5 bilhões. Um aumentar em 50% ante 2011, quando foram investidos R$ 3 bilhões. Coutinho participou da reunião da Mobilização Empresarial pela Inovação (MEI), promovida pela CNI em São Paulo, com presidentes de empresas como Vale, Braskem, Ford, Natura, Odebrecht e outras.

Raupp, Andrade e Coutinho: esforços conjuntos para incrementar
e fortalecer a inovação nas indústrias (Foto Marcos Issa/Argosfoto)
“Boa parte desses recursos deverão ser investidos em pequenas e microempresas, que estão começando a investir mais nessa área”, ressaltou Coutinho. O presidente da CNI, Robson Braga de Andrade, acrescentou que, além dos investimentos diretos em inovação nas empresas, o BNDES já aprovou financiamento de R$ 1,5 bilhão ao Senai. Esses recursos, somados a mais R$ 400 milhões do próprio Senai, serão aplicados em 32 centros de pesquisas.

“Em dois anos vamos construir esses centros em diversos estados, aproveitando as potencialidades regionais, entre os quais o de produtos de madeira no Acre, e o de biotecnologia, na Amazônia”, assegurou Andrade.

O ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Marco Antonio Raupp, que também participou da reunião da MEI, adiantou que o governo vai incentivar o investimento privado em inovação na expectativa de que, até 2015, os dispêndios entre os setores público e privado sejam iguais. Hoje, o governo destina à inovação o equivalente a 0,61% do Produto Interno Bruto (PIB) ante 0,55% investidos pelas empresas.

“A nossa política visa estimular os empresários para serem protagonistas no sistema de ciência e tecnologia", disse o ministro, acrescentando que o governo está formatando incentivos, isenções e desoneração da folha de pagamento. Isso, segundo ele, dará aos empresários condições de aumentar a pesquisa, o desenvolvimento e a inovação nas indústrias.

Cursos nas áreas de confecção, calçados e bolsas e jóias

No Senai Modatec, em Belo Horizonte: 10% de de desconto para matrículas feitas até 10 dias de antecedência. Descontos especiais para empresas associadas a sindicatos filiados ao Sistema Fiemg. 


Clique aqui e saiba mais.




Pronatec no Acre: Senai vai qualificar mais de dois mil jovens

Grande parceiro do Pronatec, o Senai está ministrando cursos a 2.077 jovens no Acre, nas ocupações de auxiliar administrativo, eletricista de redes de baixa tensão, desenhista de móveis e torneiro mecânico.

Futura auxiliar administrativa, Juliana Andrade diz que as expectativas são muito boas com o curso que está fazendo. “É uma grande oportunidade para a gente conseguir um emprego a partir do conhecimento da parte técnica que o curso oferece. É muita expectativa para ter logo a oportunidade de trabalhar.”

Dotto, no lançamento do Pronatec no Acre: programa relaciona
educação com o trabalho (Foto Sistema Fieac)

Segundo o governador Tião Viana, os parceiros são de grande importância para o programa. “A força de cada um vai além de ampliar a educação escolar e profissional, e contribuir de forma positiva na vida desses alunos, consequentemente uma melhor qualidade de vida em nosso estado, tanto para indústria e seus trabalhadores quanto para os que vivem aqui.”

"O Pronatec é de grande importância para a sociedade e para o Acre. É um programa que relaciona a formação educacional com a do trabalho, fortalecendo a escola pública e abrindo maiores perspectivas de aprendizagem para o estudante", destaca o diretor regional do Senai-AC, João Cesar Dotto.



Infraestrutura portuária: Senai realiza diagnóstico no Porto de Maceió

Especialistas do Senai de Santa Catarina estão na capital de Alagoas prestando consultoria em gestão ao Porto de Maceió, que é administrado pela Companhia Docas do Rio Grande do Norte (Codern). O primeiro passo é a realização de diagnóstico com base nos critérios de excelência da Fundação Nacional da Qualidade (FNQ), cujos resultados serão apresentados junto com a proposta de ação.

A consultoria ao Porto de Maceió faz parte de
convênio com a Secretaria Especial de Portos da
Presidência da República (Foto Divulgação)
Desde setembro, o Senai-SC, apoia a Codern na administração do Porto de Natal. Já foram realizados o planejamento estratégico, a implantação da metodologia de gestão e medição de desempenho Balanced Scorecard e o mapeamento de processos. Agora está em andamento consultoria em gestão financeira e de custos.

O trabalho na Codern integra um convênio firmado no início de 2011, com a Secretaria Especial de Portos da Presidência da República. A parceria teve início com a formatação de um modelo de gestão portuária, que atende especificidades do setor. Prestam a consultoria à Codern especialistas de unidades do Senai em Florianópolis, Blumenau, Joinville e Itajaí.
Reportagem de Ivonei Fazzioni/Sistema Fiesc


quinta-feira, 22 de março de 2012

Pronatec no Paraná: Senai abre mais de 4.400 vagas para alunos do ensino médio

Alunos do 2º e 3º ano do ensino médio de escolas públicas do Paraná podem fazer, gratuitamente, um curso técnico do Senai por meio do Pronatec. O interessado em uma das 4.480 vagas exclusivas deve buscar na própria escola pública na qual estuda a orientação sobre o processo de inscrição, que será feita nos Núcleos Regionais da Secretaria Estadual da Educação. O prazo vai até 18 de maio.

Senai/Pronatec abre vagas em cursos de mecânica
de auto (Foto Rogério Theodorovy)

O Senai é um dos principais parceiros do Pronatec, inclusive vai ministrar cursos de qualificação profissional. Para este ano, estão previstas 27 mil vagas, somadas as duas modalidades. No Paraná, o Senai promove o programa em 29 municípios, de todas as regiões do estado. Em Curitiba, há vagas nas unidades da CIC, do Boqueirão e do Cietep. Em Maringá, há turmas na unidade do Senai e também no Centro de Tecnologia de Maringá (CTM).



Green Project Awards Brasil


Juntos pelo Brasil. Este é o tema do  Green Project Awards Brasil. Porque sustentabilidade é mais do que o meio ambiente. Porque apenas todos juntos conseguiremos assegurar um bom futuro.




Participe: www.gpabrasil.com.br

Ecodesign: Senai vai repassar tecnologia italiana para a indústria moveleira

O Senai vai trazer de Pesaro, Itália, novas soluções do Centro Tecnológico de Madeira e Móveis da região de Marche (Cosmob), para desenvolvimento de novos produtos e processos de produção. A parceria deve consolidar uma rede de ecodesign no Senai, baseada na sustentabilidade ambiental e voltada às indústrias de mobiliário em madeira.

Dividida em quatro etapas, a parceria inclui a instalação de duas câmaras que ajudam no emprego de novos métodos de ensaios para certificar a emissão de formaldeídos (poluentes) e a disseminação nas empresas o uso do software Everdee, para o monitoramento das etapas de fabricação de móveis e que permitirá a validação do seu caráter sustentável. Além disso, haverá capacitação de técnicos do Senai em metodologias de planejamento e controles de produção e de qualidade e oficinas temáticas para representantes de empresas.

Com oferta de cursos e serviços na área de móveis, as unidades do Senai da Bahia, Espírito Santo, Mato Grosso do Sul, Paraná e Rondônia serão as principais beneficiadas pelo contrato com o Cosmob, recebendo diretamente as tecnologias disponíveis na parceria. Com a incorporação de métodos de avaliação da sustentabilidade de produtos e da adequação a padrões internacionais, o Senai vai ajudar para que a indústria moveleira nacional se torne mais competitiva.

Ilustrações Cosmob

“A ideia do programa é que seja nacional, porque essa é uma indústria que opera em diversas unidades da federação e tem diferentes estágios em cada região”, destaca o diretor-geral do Senai Nacional, Rafael Lucchesi. “A indústria moveleira brasileira tem muito o que incorporar. E o papel do Senai é, sobretudo, de agregação de valor, seja na qualificação do trabalhador, na oferta de serviços técnicos e tecnológicos ou na agenda de inovação.”

O diretor-geral do Cosmob, Alessio Gnaccarini, assegura que a sustentabilidade é um dos principais fatores de agregação de valor para a economia. “Essa é a linha do futuro, para diferenciar o produto, para criar competitividade, para viabilizar a manutenção do próprio produto e do mundo. Por isso, a nossa estrutura investiu muito nesse tipo de tecnologia nos últimos anos.” O Cosmob tem parcerias semelhantes com países do Norte da África, China e Rússia.

A demanda por novas tecnologias na produção moveleira surgiu da própria indústria e de especialistas do Senai que atendem o setor. “Nós observamos as várias exigências que os países importadores estabelecem e começamos a pesquisar instituições que poderiam nos ajudar. Como a Itália é uma referência no assunto, chegamos ao Cosmob e sugerimos a parceria ao Senai Nacional, que comprou a ideia”, conta Marco Secco, diretor regional do Senai do Paraná.

“Investir na sustentabilidade da produção é uma forma de qualificar os móveis nacionais para exportação, mas também para as novas exigências do mercado interno. A grande questão dessa parceria é o investimento na análise do ciclo de vida do produto, que será feito por um software livre”, ressalta Secco. “Mas, antes de usá-lo no Brasil, teremos de ‘tropicalizá-lo’, ou seja, adaptá-lo à realidade da produção do país”, explica, ao anunciar a customização do Everdee para uso na indústria brasileira.

As etapas do projeto já começam. Nesta quarta (21/3), representantes do Senai e de sindicatos ligados à produção moveleira se reuniram em Curitiba para detalhar a proposta da parceria, que vai durar dois anos. Os cursos ocorrerão no Brasil e na Itália.



terça-feira, 20 de março de 2012

Cursos gratuitos: Senai abre novas vagas no Rio e no DF

Ensino a distância do Senai-RJ tem 20 mil vagas
Interessados em desenvolver competências para melhorar suas chances de entrar no mercado de trabalho podem se inscrever para uma das 20 mil vagas gratuitas em cursos à distância do Senai do Rio de Janeiro.

As primeiras turmas já começaram a estudar, mas as inscrições permanecem abertas durante todo o ano com formação de novas turmas a cada quinzena.


Com 14 horas de duração, os cursos são de Legislação Trabalhista, Educação Ambiental, Empreendedorismo, Tecnologia da Informação e Comunicação, Segurança do Trabalho e Propriedade Intelectual.

Os interessados devem ter no mínimo o ensino fundamental e precisam preencher o cadastro de interesse no www.firjan.org.br/competencias. O Senai entrará em contato para orientar quanto ao acesso aos cursos. Não há a necessidade de comparecimento à unidade do Senai para confirmar a inscrição.

Além das vantagens da educação a distância, em que o aluno tem maior flexibilidade de tempo para estudar, os cursos do Senai-RJ apresentam, segundo seus organizadores, desafios que instigam o aluno e estimulam o aprendizado. Mais informações: 0800 0231 231.

Senai-DF oferece 235 vagas em Taguatinga
A unidade do Senai do Distrito Federal localizada em Taguatinga está aceitando inscrições até sexta (23/3) para 235 vagas em cursos gratuitos de qualificação profissional. Os programas serão realizados nos períodos matutino, vespertino e noturno, a partir da próxima segunda (26/3), com duração de 160 horas.

Entre as ofertas de curso estão: Modelagem, Eletricista de Automóveis, Mecânico de Motocicletas, Pedreiro de Alvenaria, Armador de Ferragens, Pedreiro de Alvenaria, Motor a combustão interna e auxiliares, Instalador de Acessórios Automotivos, Montagem e Manutenção de Micro e Web Designer.

Para participar, os alunos devem ter idade mínima de 18 anos e concluído o quarto ano do ensino fundamental. Os cursos de Web Designer e Montagem e Manutenção de Micro requerem conhecimento em informática básica (Windows, Word, Excel, PowerPoint e Internet).

Quanto a documentação exigida para inscrição, são pedidos RG, CPF, Comprovante de escolaridade e Comprovante de residência. Não será permitida a efetivação de inscrição sem a documentação completa.

O critério de escolha dos alunos para os cursos será por ordem de chegada. Os candidatos receberão senhas e assistirão a uma palestra preliminar, na qual o candidato será informado acerca do conteúdo programático dos cursos. Após a palestra, o candidato escolherá a modalidade de curso, e de acordo com sua senha já efetivará automaticamente sua matrícula. Caso as vagas sejam ocupadas, será realizada a formação de cadastro reserva para os próximos processos de seleção.
Reportagem de Carlos Magno/Sistema Fibra

Tecnologia em logística: empresas aumentam produtividade em 87% com consultoria do Senai

A solução pode estar em repensar todo o processo produtivo, com atenção a detalhes que representem sangria de recursos ou em programa de treinamento dos colaboradores. Resultados como a redução em 77% do tempo de produção ou aumento de produtividade em 87% foram alcançados por indústrias catarinenses a partir de consultorias prestados pelo Programa Senai de Logística. O tema foi pauta da reunião da Câmara de Transporte e Logística do Sistema Fiesc, em Florianópolis, na última quarta (14/3).

Plataforma didática de logística do Senai de Itajaí (Foto Ivonei Fazzioni)

O diretor do Senai de Itajaí, Marcos Hollerweger, explicou que o programa está baseado na capacitação de pessoas, proposta pedagógica, adequação e ampliação de laboratórios, plataformas tecnológicas e na parceria estratégica com o Instituto de Fluxo de Materiais (IML) da Sociedade Fraunhofer, de Dortmund, Alemanha.

O programa, que deve resultar na criação do Instituto Senai de Tecnologia em Logística, em Itajaí, atua com ações de educação profissional e de serviços de consultoria em quatro plataformas tecnológicas de suprimentos (dimensionamento, planejamento, controle de estoques, movimentação e armazenagem); produção (manufatura enxuta e kanban, planejamento integrado da produção); distribuição (modelagem, estudos de soluções) e logística sustentável (logística reversa, combustíveis alternativos, porto sem papel, lean office e lean manufacturing, horários e roteiros alternativos, etc.).

Além de citar resultados alcançados em consultorias de logística da produção e lean manucfaturing em indústrias catarinenses, o diretor salientou que o programa conta com o apoio do Instituto Fraunhofer, da Alemanha, para capacitação e intercâmbio de profissionais, desenvolvimento de recursos didáticos e captação de recursos. Hollerweger ainda anunciou a realização, em 16 de maio próximo, em Itajaí, do Workshop Internacional de Logística, que reunirá especialistas de diversos países.

Para o presidente da Câmara de Transporte e Logística do Sistema Fiesc, Mario Cezar Aguiar, "é relevante que cada vez mais indústrias conheçam o programa, que ajuda a elevar a competitividade do setor". Mais informações sobre a consultoria do Senai-SC: 0800 48 1212. Para saber mais ou contratar soluções da Rede Senai de Logística fale com Germana Zapata, pelo 61 3317-9928, ou acesse www.senai.br/logistica.
Reportagem de Ivonei Fazzioni/Sistema Fiesc

segunda-feira, 19 de março de 2012

Do Twitter


@SENAIPR > Quer atuar como produtor de moda? Curso de qualificação do Senai aborda desde o briefing até a sessão fotográfica > no http://ow.ly/9H98L



@SenaiSAPlatina > Confiram a programação dos nossos cursos de Qualificação! > http://ow.ly/9KcWr




Pronatec no DF: Senai tem 380 vagas em cursos gratuitos

O Senai do Distrito Federal está com 380 vagas abertas – até amanhã (20/3) – para cinco cursos profissionalizantes gratuitos. As aulas dos cursos de Administração, Manutenção Automotiva, Redes de Computadores, Multimídia e Segurança do Trabalho serão ministradas no Senai de Taguatinga e no do Gama.

Podem participar nesta chamada alunos regularmente matriculados na rede pública de ensino do DF em uma das seguintes etapas/modalidades: 2ª ou 3ª série do ensino médio; Bloco 2 das Turmas de Correção da Distorção idade/série do ensino médio; ou 2ª ou 3ª Etapa do 3º Segmento da Educação de Jovens e Adultos (EJA).

"Oferecer educação, seja ela em que nível for, é papel do Estado, mas cabe ao setor privado participar do processo, uma vez que receberemos essa valiosa mão de obra qualificada. Formação profissional faz parte da estratégia para o desenvolvimento", avalia o presidente do Sistema Fibra, Antônio Rocha.

As inscrições estão concentradas na Secretaria de Educação do DF. "Embora o Senai seja uma das instituições responsáveis pela operacionalização do Pronatec, ainda não efetua matrículas sem o encaminhamento dado pela Secretaria de Educação, para que o controle dos agraciados seja feito somente pelo demandante local", avisa o gerente de Formação Profissional do Senai-DF, Cláudio Tavares.

Para se inscrever, o aluno deverá se dirigir a Escola de Aperfeiçoamento dos Profissionais da Educação (Eape), no endereço SGAS 907, Conjunto A Asa Sul, sala 95, das 9h às 20h. Os documentos necessários para a inscrição são declaração de escolaridade, carteira de identidade ou certidão de nascimento ou casamento, CPF e comprovante de residência (conta de água, luz ou telefone).

A previsão é que as aulas comecem ainda neste mês de março, e que durarão de 934 a 1.400 horas de estudos em sala de aula. Os estudantes receberão ajuda de R$ 2 por dia, para subsidiar despesas de transporte ou alimentação. A seleção dos candidatos às vagas será por sorteio, na quarta (21/3), e a divulgação ocorrerá na sexta (23/3). Os nomes poderão ser conferidos nas Coordenações Regionais de Ensino e no site da Secretaria de Educação.
Reportagem de Patrick Selvatti/Sistema Fibra



sexta-feira, 16 de março de 2012

Capacitação em TI: Microsoft e Senai-DF promovem curso gratuito

Se vocês está interessado no programa Students to Business e mora no Distrito Federal tem até a amanhã (17/3) para se inscrever. O programa, que capacita gratuitamente profissionais na área da tecnologia da informação (TI), é uma iniciativa da Microsoft em parceria com o Centro de Tecnologia da Informação do Senai-DF, em Brasília.


Será aberta uma turma para o curso Desenvolvimento, com três etapas de 4 a 84 horas de treinamento. A cada nível haverá um aumento gradual da complexidade do conteúdo. A primeira etapa do curso ocorrerá de 9 a 17 de abril.

Nesta fase os alunos conhecerão o programa, receberão orientações e farão uma prova. Depois do teste, 60 estudantes serão escolhidos para a segunda fase do treinamento, com 28 horas de duração. Com orientação dos professores, eles deverão desenvolver um sistema. Na terceira etapa, os 30 estudantes finalistas completarão o ciclo, com 84 horas de duração.

A inscrição deve ser feita no site da Microsoft Studentes to Business


Moda e vestuário: Senai abre 8 cursos de atualização tecnológica em Curitiba

O Centro Internacional de Inovação, do Senai do Paraná, está com as inscrições abertas para oito cursos de qualificação de moda e vestuário. Os programas são de curta duração e vão atualizar ou complementar conhecimentos sobre mudanças tecnológicas e organizacionais.

Os cursos Desenho de moda, A Moulage na construção do produto de moda e Produção de moda têm início em abril. Devem participar profissionais e estudantes de moda, design e artes e empresários do setor do vestuário.


Para maio, estão previstos as qualificações Desenvolvimento de produto em malharia retilínea e Designer de vitrina & Visual Merchandiser. Em junho, terá início o curso Posicionamento de marcas de moda, e em julho, os de Desenvolvimento de produto em jeanswear e Estratégias para marcas de luxo.

As aulas serão ministradas por docentes do Senai-PR e profissionais do setor, como Adilson Filipaki, proprietário da grife de moda sustentável Joyful, e Júlio Gabardo, proprietário da Sexxes. Para saber mais ligue 41 3271-7777.


quinta-feira, 15 de março de 2012

Tecnologia nas confecções: Pequenas e microempresas aprendem a criar roupas via computador

O Senai de Mato Grosso do Sul, o Sebrae-MS e a Finep estão ensinado empresários e profissionais de moda a desenvolver produtos. O projeto leva inovação a pequenas e microempresas do Arranjo Produtivo Local Nova Costura MS, por meio do curso de modelagem aplicada ao sistema CAD Vestuário (design assistido por computador).

O curso está sendo ministrado por Ivaniria Guimarães Souza, do Senai de Jaraguá do Sul, de Santa Catarina, desde 27 de fevereiro e vai até 31 de março, com 80 horas de duração. Em Dourados, a turma é formada por 12 pessoas, de 9 empresas, enquanto em Naviraí e em Nova Andradina as aulas reúnem, em cada cidade, sete pessoas de quatro empresas.

Exemplo de criação de modelagem no computador (Foto Divulgação)

A instrutora aborda temas como criação de moldes no computador, variações de modelos, digitalização, graduação, encaixe e plotagem computadorizado. “Esse projeto é de suma importância, tanto para a empresa quanto para a cidade, pois prepara o profissional para o mercado, gerando mais emprego e rapidez na produção."

Para a supervisora da área do vestuário do CetecSenai de Dourados, Tatiane Forti, o curso é uma excelente oportunidade de introduzir inovação tecnológica às empresa. O CAD possibilita melhoria do processo produtivo e economia de tempo e dinheiro com a diminuição do desperdício de tecido.

Para a aluna e empresária Célia Pardo, proprietária da loja Fwe Baby & Kids, o curso contribui para o crescimento do setor de confecção, oferecendo meios para redução de custos. “Com o Senai ofertando isso, fica mais fácil. Está sendo de grande valia, colaborando com o crescimento profissional e financeiro do município e região."


quarta-feira, 14 de março de 2012

Cursos do Senai do Tocantins

Gratuitos em Gurupi
O Senai do Tocantins e o Instituto Juarez Moreira já estão aceitando inscrições para o curso Assistente Administrativo (160 horas de duração). Podem concorrer as 30 vagas pessoas com mais de 45 anos. Outras 30 serão abertas no cursos Auxiliar de Recursos Humanos, também dentro do Programa Senai para Maturidade.

Os interessados devem procurar o Instituto Juarez Moreira, e o início das aulas está previsto para 3 de abril. Mais informações: 63 3315-3323, no Sena; e 63 3312-4741, no Instituto Juarez Moreira.


Aprendizagem em Palmas
As duas unidades do Senai do Tocantins na capital do estado: a Escola da Construção Civil e Centro de Treinamento, têm cerca de 250 vagas para 16 cursos profissionalizantes. Os valores variam de R$ 130 a R$ 660, de podendo ser divididos no cartão.

Os programas são: Operador de Motoniveladora; Operador de Escavadeira Hidráulica; Operador de Pá Carregadeira; Operador de Retro Escavadeira; Efeitos Decorativos em Pintura; Montagem, Manutenção e Configuração de Microcomputadores; Montagem, Manutenção e Configuração de ADSL; Instalador e Reparador de Rede de Computadores; Orçamento de Obras na Construção Civil; Leitura e Interpretação de Projetos da Construção Civil; Costureiro em Tecido Plano; Salgadeiro; Fabricação de Ovos de Páscoa e Bombons; Mecânico de Manutenção de Motocicletas e Mecânico de Ar Condicionado tipo Janela e Split.

Saiba mais: no Centro de Treinamento, 63 3228-8800; e na Escola da Construção Civil, 63 3215-8891.

Pronatec em Santa Catarina: Senai tem mais de 7 mil vagas para estudantes do ensino médio

Estudantes do ensino médio, preferencialmente do terceiro ano, da rede pública de Santa Catarina já podem se inscrever para os cursos de formação inicial e continuada (FIC) que o Senai vai ministrar por meio do Pronatec.

Pronatec prepara jovens para iniciar sua vida profissional (Foto Gislaine Lombardi/Senai-SC)
As aulas deverão ser iniciadas a partir de 3 de abril, mas há programação até o final do ano, sendo que para os primeiros cursos as inscrições encerram-se na sexta (16/3). São 7,5 mil vagas, em 264 turmas em cursos de 160 horas a 400 horas de duração, que formarão profissionais para a industrial.

Os estudantes recebem material escolar e ajuda de custo para lanche e transporte. As pré-inscrições podem ser feitas nas unidades do SENAI ou na escola na qual o aluno interessado estuda.


Mais cursos em Santa Catarina
O Senai de Santa Catarina deu início ao curso de aprendizagem em Manutenção Eletromecânica na cidade de Taió, no Alto Vale do Itajaí. Os parceiros são as empresas Contraco Máquinas e Equipamentos, HCR Cartões Reciclados, Himasa, Induma, Secamaq e SH Máquinas.

São 36 vagas no curso, que será ministrado em dois anos de duração. No primeiro ano, os alunos ficam três períodos em curso no Senai e dois em atividades práticas nas empresas, carga que se inverte no segundo ano.

Em Rio do Sul, foram lançados os novos cursos de aprendizagem de desenho arquitetônico, eletrônica de manutenção e informática.

Para saber mais acesse www.sc.senai.br ou 0800 48 1212.


segunda-feira, 12 de março de 2012

Design de moda: Senai-RJ apresenta o que será destaque nos próximos verões

As macrotendências que irão orientar a criação e o desenvolvimento de novos produtos em diversos setores nas próximas estações serão apresentadas nesta quarta (14/3), pelo Senai do Rio de Janeiro. O evento ocorrerá durante o Giro Senai Moda, que começa às 9h, na sede do Sistema Firjan, na capital fluminense.



As tendências fazem parte do Dossiê Digital Perfil Moda Verão 2012/13, que contém informações destacas em feiras internacionais do setor e do varejo. A estilista do escritório Senai Moda Design, Carol Fernandes, apresentará, às 9h30, a palestra Macrotendências de Consumo. Às 10h30, está prevista apresentação sobre moda feminina. A partir das 14h30 serão apresentadas palestras sobre moda praia, lingerie, masculina, calçados e acessórios.

Para quem trabalha com moda, é uma excelente oportunidade de conhecer as referências que servirão como ponto de partida para o desenvolvimento de produtos únicos e competitivos. Garanta sua vaga no Giro Senai Design, preenchendo o formulário de inscrição para as seguintes edições de março: Rio de Janeiro, 14; Nova Friburgo, 22; Itaperuna, 23; Petrópolis, 27; e Barra Mansa, 28. Mais informações: 0800-0231-231 ou faleconosco@firjan.org.br.


domingo, 11 de março de 2012

Prêmio dá 240 mil às melhores notícias: Educação profissional e inovação são temas

Vai até 5 de abril o prazo para as inscrições no Prêmio CNI de Jornalismo. Podem participar trabalhos veiculados e/ou publicados entre 1º de abril de 2011 e 31 de março de 2012 em TVs, jornais, revistas, rádios, sites e blogs. O tema dos trabalhos deve ter relação com a indústria e com a agenda estratégica definida no documento A indústria e o Brasil – uma agenda para crescer mais e melhor.



Ao todo, serão distribuídos R$ 240 mil em valores brutos. Autores, representantes legais, diretores ou chefes de redação devem enviar as reportagens para a sede da Confederação Nacional da Indústria (CNI), localizada no Setor Bancário Norte (SBN) – Quadra 1 – Bloco C – Ed. Roberto Simonsen – Brasília – DF – CEP 70040-903, juntamente com a ficha de inscrição correta e totalmente preenchida.  O envelope deve ser identificado por Prêmio CNI de Jornalismo e postado sob a modalidade de Aviso de Recebimento (AR) na Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT).

Serão contempladas com R$ 10 mil as melhores matérias regionais e com R$ 25 mil aquelas voltadas à educação profissional e à inovação. As categorias jornal, rádio, revista, TV e internet distribuirão R$ 20 mil aos vencedores. O melhor entre todos os trabalhos inscritos levará o Grande Prêmio José Alencar de Jornalismo e R$ 40 mil.




sábado, 10 de março de 2012

Mercado de trabalho: Senai e UPP da Providência qualificam cozinheiros industriais

Ferreira tomou gosto e quer
continuar se especializando
(Foto Sistema Firjan)
Da turma de 38 novos cozinheiros qualificados pelo Senai do Rio de Janeiro no Morro da Providência, dois já estão contratados pela Masan e 14 foram aprovados em processo seletivo da empresa prestadora de serviços na área de alimentos. Na profissão, eles são responsáveis por elaborar lanches e refeições em cozinhas industriais, dentro dos padrões de segurança alimentar estabelecidos.

O curso foi ministrado a partir de agosto de 2011, dentro do programa social SESI Cidadania. A iniciativa de formar moradores da comunidade, que hoje conta com uma Unidade de Polícia Pacificadora (UPP), contou com as parcerias das empresas Masan e Iesa e da obra social Rio Solidário.

Para o novo cozinheiro Gilmar Teixeira Ferreira, de 28 anos, o curso abriu portas e o emprego já é realidade. “Hoje tenho uma profissão e um emprego. Descobri no curso que gostava de cozinha e agora quero trabalhar nessa área. Mas quero continuar estudando”, disse Gilmar, que já está contratado pela Masan.

Assim como Gilmar, mais 40 pessoas poderão ser beneficiadas pelo curso de cozinheiro industrial do Senai e terem a oportunidade de conquistar suas vagas no concorrido mercado de trabalho. Moradores da Providência com mais de 18 anos poderão se inscrever a partir deste segunda (12/3). Os candidatos também deverão estar cursando ou ter completado o sexto ano do ensino fundamental.

As matrículas serão por ordem de chegada. Mais informações pelo telefone 0800-0231231.

De acordo com o Sistema Firjan, a área de alimentos emprega mais de 200 mil trabalhadores no estado. E, em virtude dos megaeventos esportivos que acontecerão no país nos próximos anos, houve aumento na procura por profissionais dos segmentos de panificação, confeitaria e cozinha. Esse crescimento se deve também ao aumento do consumo interno e das exportações.

Participaram da festa de formatura a vice-presidente do Rio Solidário, Vânia Bonelli; a gerente de Projetos do Rio Solidário, Rita Paes; a diretora de Marketing e Vendas da Masan, Adriana Pinto; o gerente Administrativo e Financeiro da Iesa, João Carlos Moreira; o comandante da UPP, Capitão Glauco; o coordenador do SESI Cidadania na UPP da Providência, José Humberto Chaves; e a diretora regional do Senai-RJ e superintendente do Sesi-RJ, Maria Lúcia Telles.