terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

Sustentabilidade: Senai-PR é signatário dos Princípios para a Educação em Gestão Responsável, da ONU

O Senai do Paraná saiu na frente e se tornou a primeira unidade do Sistema S a se comprometer oficialmente com os Princípios para o Gerenciamento Responsável da Educação – PRME, propostos pela Organização das Nações Unidas. O cadastramento da organização foi confirmado pelo comitê gestor do PRME na semana passada. Na mesma mensagem, o Senai-PR é convidado a participar da Rio+20, em junho, na capital fluminense, e recepcionar representantes de instituições adeptas ao PRME de todo o mundo.

Mais de 400 instituições de ensino, das quais 31 brasileiras, são signatárias do PRME. Essas organizações são comprometidas com um conjunto de valores aceitos internacionalmente como fundamentais para o alcance da sustentabilidade. Elas buscam formar novos líderes empresariais, mais conscientes dos impactos de suas escolhas em diversos níveis.



O presidente do Sistema Fiep, Edson Campagnolo, destaca a importância da adesão do Senai-PR ao programa da ONU. “O cadastramento da entidade significa que a formação alinhada com os princípios do PRME alcança milhares de jovens paranaenses, já que o Senai é a maior entidade de educação profissional do estado, presente em todas as regiões.”

O Senai-PR possui 40 unidades, que deverão contabilizar, ao final do ano, 300 mil matrículas nas diversas modalidades de educação profissional e tecnológica, grande parte delas em cursos destinados a jovens. Além disso, a partir deste ano, a organização oferece também o ensino superior para formação de tecnólogos.

Em 2000, a ONU lançou o Pacto Global, um chamado às empresas para sua responsabilidade com o futuro do planeta. Hoje o Pacto Global conta com a adesão de mais de oito mil empresas no mundo, desde multinacionais até organizações de médio porte. No Brasil são 396 instituições seguidoras.

O PRME foi lançado em 2007, como braço educacional do Pacto Global. As suas signatárias se comprometem com seis princípios. A cada dois anos, elas encaminham à ONU documento demonstrando o progresso de suas ações alinhadas com o PRME.

Segundo o diretor regional do Senai-PR, Marco Secco, para cadastrar-se ao PRME, a organização aplica a metodologia de formação profissional com base em competências, com o conceito de Educação Transformadora. A proposta é preparar profissionais tanto para o trabalho como para o exercício pleno da cidadania, proporcionando ao estudante a capacidade de avaliar, criticar, propor e tomar decisões, baseados em valores como ética, justiça social e qualidade de vida.

Agora, um núcleo formado por especialistas do Senai-PR irá planejar ações para reforçar ainda mais a atuação da organização sintonizada com os princípios do PRME:
  • Propósito - Atuar para desenvolver as capacidades dos estudantes para serem futuros geradores de valor sustentável para negócios e sociedade no geral e para trabalharem a favor de uma economia global sustentável e inclusiva.
  • Valores - Incorporar nas atividades acadêmicas e currículos os valores da responsabilidade social global apresentados em iniciativas internacionais, como o Pacto Global da Organização das Nações Unidas.
  • Método - Criar moldes, materiais, processos e ambientes que possibilitem experiências eficazes de aprendizado para liderança responsável.
  • Pesquisa – A entidade engajará em pesquisas conceituais e empíricas que melhorem a compreensão sobre o papel, a dinâmica e o impacto de empresas na criação de valores de sustentabilidade social, ambiental e econômica.
  • Parceria - Interagir com administradores de empresas para ampliar nosso conhecimento sobre seus desafios na busca de responsabilidades sociais e ambientais e explorar maneiras eficazes de enfrentar estes desafios.
  • Diálogo - Facilitar e apoiar o diálogo e debate entre educadores, empresas, governo, consumidores, organizações da sociedade civil e outros grupos interessados sobre questões críticas relacionadas à responsabilidade e sustentabilidade social global.


Nenhum comentário:

Postar um comentário