quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Pesquisa e inovação: Setor de alimentos debate geração de negócios com soluções tecnológicas do Senai

Empresários e profissionais da Câmara da Indústria de Alimentos do Sistema Fiemg participaram de uma visita técnica ao Centro de Tecnologia – Cetec-Senai, conhecendo como a unidade pode auxiliá-los com apoio tecnológico. Eles se reuniram com representantes do Senai e debateram as possibilidades de geração de negócios a partir de pesquisa e inovação.

"A demanda do setor é grande. Podemos agregar valor em diversos produtos alimentícios mineiros", afirmou o presidente da Câmara e diretor-presidente da Vilma Alimentos, Domingos Costa. Ele citou como exemplo as melhorias que podem ser implementadas em produtos como café, leites, queijos e na utilização de farelo de trigo rejeitado na sua moagem.

O diretor regional do Senai de Minas Gerais, Lúcio Sampaio, explicou aos integrantes da Câmara o funcionamento do Cetec-Senai. O Centro Tecnológico atua na área de inovação, um dos pilares do Senai. "Trabalhamos com pesquisa aplicada para oferecer soluções tecnológicas para a indústria", resumiu.

Para a indústria alimentícia, o Cetec-Senai conta com as áreas de biotecnologia e de química. As duas gerências possuem pesquisadores experientes e equipamentos de alta tecnologia para realização de pesquisas com bebidas e alimentos. "Vamos identificar as demandas do setor e apontar interlocutores para dialogar com os profissionais do Centro Tecnológico. Isso trará um diferencial grande para nós", revelou Domingos Costa.
Fonte Gerência de Imprensa da Fiemg





Nenhum comentário:

Postar um comentário