quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

Senai 70 anos: Sete décadas de incentivo à competitividade da indústria

Ao longo de sete décadas, o Senai capacitou gerações da força do trabalho industrial em todo o Brasil. Referência mundial em educação profissional, a organização forma profissionais altamente especializados para 28 setores da indústria desde a sua fundação, em 22 de janeiro de 1942.
Entre 55 milhões de pessoas capacitadas pelo Senai em suas 797 unidades espalhadas pelo Brasil estão o ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva, o primeiro cosmonauta brasileiro, Marcos Pontes, e o tricampeão de Fórmula 1, Nelson Piquet.

Para comemorar a data, o Senai de São Paulo promoveu na segunda (23/1) missa em ação de graças pelo 70º aniversário da organização na Catedral Metropolitana de São Paulo, na Praça da Sé, centro da capital paulista.


Celebrada pelo cardeal arcebispo metropolitano de São Paulo, Dom Odilo Pedro Scherer, a cerimônia contou com acompanhamento do Coral da Catedral da Sé e da Orquestra Filarmônica do Senai-SP, para um público de aproximadamente 2 mil pessoas, sendo mais da metade alunos da organização em São Paulo.

O presidente do sistema Fiesp, Paulo Skaf, prestigiou a missa ao lado de autoridades do executivo e do legislativo, empresários, funcionários alunos e ex-alunos diretores e funcionários da entidade.

Carlos Eduardo Moreira Ferreira, presidente emérito da Fiesp e do Ciesp, sentou-se ao lado de Skaf, dividindo a primeira fila com Rafael Lucchesi, diretor-geral do Senai, e o astronauta brasileiro Marcos Pontes, aluno do Senai de Bauru na década de 70.
“O Senai é um exemplo de educação profissional bem-sucedida. Essa missa abre o calendário de comemorações que realizaremos ao longo do ano”, declarou Skaf, que também preside o Conselho Regional do Senai-SP. Durante a solenidade, Dom Odilo destacou o trabalho educacional realizado pela organização, especialmente com os jovens de todo o país.

“É a história da educação voltada para o crescimento do bom fruto”, disse o cardeal. O Senai é responsável por 797 unidades operacionais, sendo 471 fixas e 326 móveis. Somente o estado de São Paulo é detentor de rede com 165 escolas. Clique aqui para acompanhar histórias de pessoas que têm trajetórias bem-sucedidas influenciadas pelo Senai. 
Reportagem de Rosângela Gallardo e Edgar Marcel

Nenhum comentário:

Postar um comentário