segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Contra a exploração sexual: Xuxa reforça apoio ao projeto ViraVida

A região de Guaratiba, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, acaba de ganhar o programa ViraVida, iniciativa que o trabalha para tirar crianças e adolescentes da exploração sexual. A proposta será oferecida no Espaço de Arte, Cultura e Gastronomia: um salão multiuso da Fundação Xuxa Meneguel aberto a realização de oficinas de artes visuais, música e teatro, além de ateliê de costura integrado a guarda de acervo artístico da Xuxa, uma sala de aula multimídia, um refeitório e uma cozinha-escola industrial. No espaço ocorrem diversos projetos, inclusive sobre agroecologia. Tudo visando principalmente ações de capacitação profissional de jovens, adultos e profissionais da região.

O programa é do Conselho Nacional do Sesi, que abre sua terceira turma na capital fluminense, com as parcerias do Sistema Firjan e da Fundação. Xuxa é madrinha da campanha Carinho de Verdade, iniciativa também do Conselho de sensibilização contra a exploração sexual infanto-juvenil. Ela e representantes dos parceiros assinaram termo de cooperação técnica para implementação da nova turma do ViraVida, que terá curso de Gastronomia voltado para o pólo da região. A capacitação vai formar 20 jovens a partir do início de 2012.


Xuxa comentou que, há 23 anos ao entrar no espaço onde hoje funciona a Fundação, imaginou o lugar com crianças e também uma cozinha industrial. “A nossa cozinha era muito pequena e para atender a toda a fundação só uma cozinha industrial. Esse dia chegou. E junto veio o curso de gastronomia. Sonhar é muito bom, mas sonhar junto é melhor. Isso não vai parar porque eu tenho amigos que confiam em mim e no meu trabalho. Estou muito orgulhosa de toda essa história."

O presidente do Conselho, Jair Meneguelli, explicou que esta será primeira turma formada pelo ViraVida com aulas fora das dependências das organizações do Sistema S, como o Senai. “O que importa são as pessoas que vão se disponibilizar para estar nesse programa que não vira a vida apenas das crianças mas a vida da gente”, disse, destacando que “estamos explicando aos empresários que a vida está além dos muros das suas empresas." O Vira Vida  é um programa oficial do Sistema S, mas Meneguelli sonha "que um dia se transforme numa política pública."

O presidente do Sistema Firjan, Eduardo Eugenio Gouvêa Vieira, confia que o Espaço da Fundação Xuxa é fantástico e a parceria dará muitos frutos. “Temos um trabalho nas comunidades pacificadas (as UPPs). Fizemos uma pesquisa na comunidade da Providência e identificamos que os moradores fariam um curso de solda, mas não tinham horário para estudar. Nossa equipe propôs criar um curso na madrugada. Fizemos o Corujão, das 24h às 4h, e o Galo da Madrugada, das 4h às 8h. A primeira turma está encaminhada numa profissão”, contou. “Esses movimentos todos que fazemos com competência e amor estão mudando a vida das pessoas e essa parceria faz parte disso também”, afirmou Vieira.

O Espaço de Arte, Cultura e Gastronomia possui um salão multiuso para realização das oficinas de artes visuais, música e teatro, um ateliê de costura integrado à guarda de acervo artístico da Xuxa, uma sala de aula multimídia, um refeitório e uma cozinha-escola industrial. Ali são desenvolvidas atividades nas áreas de Arte, Cultura e Cidadania e Saúde, Nutrição e Agroecologia, para as crianças, adolescentes e famílias da instituição e para a realização de ações com enfoque em capacitação profissional de jovens, adultos e profissionais da região.

As crianças e jovens presentes fizeram apresentações de música e dança e assistiram ao videoclipe da campanha Carinho de Verdade. Xuxa, que reuniu os 22 cantores para a gravação da campanha, disse que está planejando a produção de um novo clipe com a participação de outros artistas interessados em abraçar a luta contra a exploração sexual de crianças e adolescentes.

As duas primeiras turmas formadas com moradores da comunidade da Maré, no Rio de Janeiro, tiveram a parceria do Instituto Vida Real, em cursos de qualificação profissional do Senai na área de panificação; e de administração no Senac. Todos os jovens do programa recebem reforço escolar do Sesi-RJ, fazem atividades esportivas e de arte no Sesc e recebem capacitação na área de empreendedorismo pelo Sebrae, além de acompanhamento psicossocial. O programa está em pleno desenvolvimento em 13 estados, abrangendo 16 cidades, beneficiando mais de 1,8 mil jovens.

Nenhum comentário:

Postar um comentário