sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Na cabeça: Chapéus voltam a ser objeto de desejo no guarda-roupa feminino

Os chapéus acompanharam por muitos anos a indumentária feminina. Depois de algumas décadas fora de foco, os acessórios voltam a ser objeto de desejo e um item importante nas coleções. O irreverente chapeleiro inglês, Stephen Jones, gosta de dizer que os "chapéus são passaportes para outro mundo" e acredita que "historiadores de moda um dia vão olhar para os dias de hoje como o breve período em que as pessoas não usaram chapéus".


Em declaração à revista New York Mag, Jones explica que em grande parte da história da humanidade as pessoas usaram acessórios sobre as cabeças. "Essas pessoas que pararam há cerca de 50 anos ou mais, penso eu, são apenas um pontinho na imensa história da chapelaria".



As peças ganharam bastante popularidade ultimamente, por serem um dos itens preferidos da Duquesa de Cambridge, Kate Middleto, e por ganharem destaque em seriados como Gossip Girl e Sex and the City. "É tão engraçado como a mídia, especialmente nos Estados Unidos, de repente redescobriu os chapéus! Com Kate Middleton e o casamento real e tudo mais, as pessoas estão percebendo novamente o quão divertido é", comenta o estilista.

Mas Jones atribui o crescimento das vendas à diminuição dos preços dos acessórios. "Chapéus costumavam ser compras de lojas de departamentos. Você ia a Saks e gastava um monte de dinheiro. Agora você pode consegui-los no preço que quiser e eu acho isso ótimo".

Para homenagear a importância das famosas peças, Nova York recebe a exposição Hats: An Anthology by Stephen Jones. A mostra, que fez sucesso no Victoria & Albert Museum, apresentará peças icônicas criadas pelo designer e também peças de outros chapeleiros, mas que também tiveram grande importância na história da moda e do cinema.

Entre os acessórios exibidos estarão o chapéu de baseball de Babe Ruth, o turbante de Estée Lauder, a cartola de Franklin Roosevelt e as orelhas de coelho da Halston usadas por Candice Bergen no baile do Preto e Branco de Truman Capote. Além disso, aparece o capacete de Darth Vader, criado em 1977, junto com chapéus de Christian Dior, Elsa Schiaparelli e um desenvolvido pelo chapeleiro Bill Cunningham.

As criações de jovens designers nova iorquinos como Ellen Christine, Albertus Swanepoel e Eugenia Kim também fazem parte da mostra, que poderá ser conferida até o dia 25 de abril de 2012.
Fonte Portal Senai Design - Foto Stephen Jones

Nenhum comentário:

Postar um comentário