segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Cidadania e inclusão: Ministro da Justiça quer parceria para tirar jovens da exploração sexual

“Gostei muito, é um trabalho belíssimo. Para nós, vai ser uma alegria imensa sermos parceiros.” Assim, o ministro da Justiça (MJ), José Eduardo Cardozo, garantiu apoio ao projeto ViraVida e a campanha Carinho de Verdade, iniciativas do Conselho Nacional do Sesi contra a exploração sexual de Crianças e Adolescentes. A proposta de aglutinar forças de programas das duas organizações surgiu recentemente.

Segundo Cardozo, a ideia é casar o ViraVida com projetos já desenvolvidos pelo ministério, como o Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci). “Existem várias possibilidades de trabalharmos integrados”, acrescentou. Nos próximos dias, o MJ e o Conselho Nacional do SESI deverão firmar a parceria oficialmente. Depois, os técnicos do projeto e do ministério se reunirão para definir a atuação conjunta.

O programa ViraVida, que conta com a participação do Senai e de outras organizações publicas e privadas, é dirigido a jovens entre 16 e 21 anos, de baixa renda, que têm história de vida marcada por experiências relacionadas a abuso, exploração sexual, trabalho doméstico, gravidez precoce e dependência química. Com o apoio de todo o Sistema S, o ViraVida dá capacitação profissional, atendimento médico, odontológico e psicossocial e lazer e cultura.

Atualmente, o projeto está em 13 estados, abrangendo 16 cidades. A meta é alcançar as 27 unidades da federação. Cerca de 770 alunos já concluíram os cursos e 931 estão em processo de formação. Do total de formandos, 555 estão inseridos no mercado de trabalho, enquanto o restante participa de processos de seleção e aperfeiçoamento profissional.


ViraVida no Rio Grande do Norte
O Sesi do Rio Grande do Norte realizará amanhã (27/9), a partir das 15h, na Casa da Indústria, em Natal, a aula inaugural para três novas turmas do projeto ViraVida. De acordo com o coordenador do projeto no estado, Gilson de Medeiros Costa, serão formados operadores de supermercados e lanchonetes, profissionais de serviços na hotelaria, cada uma com 25 participantes, e assistentes de obras, 20 participantes. Na solenidade “daremos uma mensagem de elevação da autoestima”, ressalta Costa.

Haverá ainda a assinatura de termo de cooperação entre o Sesi-RN e a Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social (Semtas), o que permitirá, segundo Costa, a ampliação no número de atendimentos e garantir mais resultados. Desde seu início, em 2008, o ViraVida formou seis turmas em Natal, com o apoio do Senai e do Senac.

Atualmente duas turmas estão em fase de conclusão dos estudos, uma de assistente administrativo e outra em desenho de moda. De acordo com o coordenador do programa, muitos dos jovens inscritos nessas turmas estão inseridos no mercado de trabalho. É o caso de muitos alunos da turma de moda que hoje atuam na empresa de confecções Guararapes com possibilidade de contratação.

Costa informa que dos 26 alunos da turma de assistente administrativo 14 estão inseridos no mercado. Nove deles atuam na Caixa Econômica Federal, dois na Semtas, dois na Miranda Computação e um na rede hoteleira. “Nossa expectativa é que na formatura tenhamos 80% desses jovens inseridos no mercado de trabalho." O ViraVida é iniciativa do Conselho Nacional do Sesi e realizado em parceria com instituições do Sistema S, como o Senai.

Nenhum comentário:

Postar um comentário