quinta-feira, 4 de agosto de 2011

Projeto do Senai-SC é destaque no Congresso Brasileiro de Inovação

Mercadante e Andrade assinam acordo pela Embrapii – Foto Miguel ÂngeloUma bisnaga biodegradável (foto), desenvolvida pelo Senai de Santa Catarina para a C-Pack, de São José, ganhou destaque no 4º Congresso Brasileiro de Inovação na Indústria, que o Sistema Indústria promoveu nesta quarta (3/8). Produzida com uma resina oriunda do milho, a bisnaga se decompõe em 180 dias, em condições de compostagem. O ganho ambiental é consistente, tendo em vista que a maioria dos polímeros usados atualmente demora mais de 100 anos para desaparecer na natureza.

A inovação colocou a C-Pack na vanguarda, tornando-se a primeira indústria brasileira a lançar bisnagas biodegradáveis para cosméticos. O desafio dos técnicos do Senai foi grande. Eles tiveram que desenvolver um composto que não interagisse quimicamente com o produto cosmético que vai embalar. A fórmula encontrada não provoca alterações estéticas e funcionais da bisnaga.

Consultores do Senai de Criciúma participaram do desenvolvimento do produto e das adaptações do processo produtivo, já que a resina biodegradável possui comportamento mecânico diferente das demais matérias-primas utilizadas. "A C-Pack sempre contou com o Senai em meios estratégicos de desenvolvimento técnico e tecnológico", afirma o presidente da empresa, Luiz Gonzaga Coelho.
Foto Ivonei Fazzioni

Nenhum comentário:

Postar um comentário