terça-feira, 30 de agosto de 2011

Novas competências: Senai-SC pretende ampliar formação universal dos estudantes

Mais do que formar profissionais para o mercado de trabalho, o Senai de Santa Catarina pretende ampliar a formação universal de seus estudantes. Em 2012, o programa terá ênfase no desenvolvimento da leitura, em 2013, da escrita e, em 2014, da resolução de problemas.

Apesar desse cronograma, as ações, nas três linhas, se iniciam nesta semana como projetos-pilotos e atividades complementares dos professores na capacitação. São 16 professores do ensino médio, que depois se tornarão tutores dos demais docentes. No primeiro semestre de 2012, serão capacitados os demais professores de Língua Portuguesa e, no segundo semestre de 2012, todos os docentes da organização.

Para a professora Mary Elizabeth Cerutti-Rizzatti, da UFSC e que atua como consultora no programa do Senai-SC, a crise da leitura que a sociedade enfrenta está associada à carência de capital cultural de grande parte da sociedade e das dificuldades de aprendizado. "Somente 38% dos estudantes brasileiros alcançam o alfabetismo pleno e sem ele a leitura não se concretiza", destaca.

Nenhum comentário:

Postar um comentário