segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Expansão no Rio Grande do Sul: Senai de Lajeado ampliará número de profissionais qualificados


Com a proposta estratégica de investir em Centros de Educação Profissional, o presidente do Sistema Fiergs, Heitor José Müller, recém-inaugurou as novas instalações das oficinas de eletroeletrônica do Senai de Lajeado, a cerca de 120 quilômetros de Porto Alegre. Agora a unidade deve capacitar 50% a mais dos 2,5 mil profissionais que prepara por ano, além de atender à crescente demanda das indústrias da região. "Ou seja, 3.750 pessoas passarão por aqui agregando novos valores às suas vidas", destacou Müller. "Neste cenário, em que impera o trabalho, uma herança dos colonizadores açorianos, alemães e italianos, o Sistema Fiergs está presente pela decisão estratégica de investir neste Centro de Educação", afirmou.

O novo espaço abriga oficinas de eletricidade predial e de eletricidade industrial, duas salas de aula e um laboratório de eletrônica. Lá são ministrados  os cursos Instalações Elétricas Industriais, Instalações Elétricas Prediais, Automação Industrial, Eletrotécnica Básica, Eletrônica Básica e Inversores de Frequência. A unidade conta com 24 turmas de aprendizagem e 300 horas de serviços técnicos operacionais. "O Senai trabalha há quase 70 anos com o ideal de formar não só profissionais, mas também cidadãos", assegura o diretor regional do Senai-RS, José Zortéa. 

Atualmente o  Senai de Lajeado trabalha com cursos nas modalidades de aprendizagem, iniciação, aperfeiçoamento e qualificação, nas áreas de gestão, mecânica industrial, eletroeletrônica, calçados, segurança do trabalho, construção civil, alimentação e eletricidade automotiva.

"Os países que emergiram, o fizeram porque investiram em educação. O Senai é um local para se aperfeiçoar e crescer. Eu acredito que com instituições como o Senai, que também tem a educação como prioridade, alcançamos uma profissionalização de qualidade e o desenvolvimento econômico e social que todos almejamos", disse a prefeita de Lajeado, Carmen Regina Cardoso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário