sexta-feira, 1 de julho de 2011

Desafio Profissional: Irwin Ferramentas testa alunos da FactecSenai

Rapidez e habilidade. Esses são os requisitos que alunos da FatecSenai Campo Grande têm que usar para vencer o Desafio Profissional Senai Irwin, que começou nesta quinta (30/6) e prossegue nesta sexta (1/7), das 14h às 22h, e amanhã (2/7), das 8h às 17h. O desafio consiste em realizar sete tarefas, no menor tempo possível, utilizando ferramental comum à marcenaria. O melhor na etapa da capital de Mato Grosso do Sul ganha televisão de 32 polegadas e kit de ferramentas, e classifica-se para a etapa final, que será em Salvador no fim do ano. O prêmio será uma caminhonete S-10, um reboque personalizado e um mix de ferramentas.

A coordenadora de projetos especiais do Senai, Ilana Coutinho de Alencar, ressalta que parceria com a Irwin permite agregar valor ao conhecimento já oferecido ao aluno. “Quando eles participam desse tipo de iniciativa colocam em prática o que aprenderam durante o curso.”

As provas são realizadas em unidade móvel da empresa – Foito Divulgação
As provas são realizadas em unidade móvel da empresa – Foto Divulgação

O promotor técnico da Irwin Ferramentas, Junio Soares Caiuby, explica que a realização do evento na FatecSenai Campo Grande estreita a relação com os futuros profissionais. “Este é o local certo para a iniciativa, pois os alunos estão aprendendo e atualizando o conhecimento.” O Desafio já foi realizado no Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Goiás, Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro e Espírito Santo.

A prova consiste em medir com a trena, marcar com o esquadro, posicionar a madeira na área de corte e prender com o grampo, serrar a madeira, furar nos pontos marcados, desapertar os dois pinos e soltar o grampo. O responsável pelo projeto, Dermival Poçan, reforça que qualquer pessoa, profissional ou não, tem condições de realizar a prova. “O participante é preparado para realizar a tarefa e tem acesso aos materiais, sentindo-se pronto poderá executar a prova, além disso, caso queira melhorar o tempo, isso é possível no dia seguinte."

Para o agricultor Henrique de Aguiar, a primeira prova foi tranquila. “Estou acostumado a usar ferramentas desde os 12 anos de idade. Na prova cometi alguns erros, como deixar cair a ferramenta no chão, mas nesta sexta eu tento novamente, pois espero estar menos nervoso." O aluno do curso de eletricista de manutenção predial da FatecSenai, Wellynton Barros de Souza, também considerou a prova fácil. “Para conseguir fazer bem rápido é preciso ter prática, mas o bom é que dá para gente treinar antes."
Saiba mais: www.irwin.com.br/desafioprofissional (67) 3321-0421.

Nenhum comentário:

Postar um comentário