terça-feira, 22 de março de 2011

Construção civil: Alagoas treina mulheres para suprir demanda do setor

As 11 mulheres do município alagoano de São Miguel dos Campos que participam do curso de Formação de Pedreiros foram homenageadas durante a abertura do programa ministrado pelo Senai, prefeitura, Defesa Civil Municipal e empresas.

Essa oportunidade às mulheres está sendo oferecida dentro do Programa Senai de Ações Inclusivas (PAS), na vertente gênero. “O curso de Pedreiro é de suma importância para o atual mercado, que está carente desses profissionais”, afirmou o vice-prefeito, Manoel Messias, que também destacou na aula inaugural a parceria com o Senai e a importância da participação das empresas no apoio à iniciativa.



“Já formamos 80 pessoas na área de construção civil. Hoje, as mulheres são parte fundamental no mercado da construção civil”, destacou o diretor do Senai de São Miguel, Nélio Felix. O curso deverá estar concluído até maio próximo.

O Psai facilita o acesso de pessoas com necessidades educacionais especiais, como deficientes, condutas típicas e altas habilidades aos cursos do Senai, expande o atendimento a negros e índios e amplia a participação de mulheres em cursos estigmatizados para homens e vice-versa, além de orientar as unidades operacionais da organização na requalificação profissional de pessoas acima de 45 anos.

O programa é desenvolvido levando em consideração os aspectos legais – Decreto 3.298/99, que ratifica a Lei 7.853//89 –, que dispõe sobre a obrigatoriedade das indústrias contratarem de 2% a 5 % pessoas com deficiência, amparando a necessidade de ações para capacitar e preparar profissionais para demandas das empresas.

Outra legislação que apoia o Psai é o Decreto 5.598 de 1º de dezembro de 2005, que regulamenta a contratação de aprendizes registrando que o "aluno aprendiz com qualquer deficiência não tem limite de idade para participar dos cursos de aprendizagem”. O decreto amplia "significativamente a oportunidade de pessoas com necessidades especiais participarem de capacitações nessa modalidade, de maior relevância para o Senai", explica a gestora nacional do programa, Loni Manica.

Nenhum comentário:

Postar um comentário